-   

T

-

 

QUEM ME DERA...
Suelydam

 
 

 

Quem me dera voar pelo infinito
e lá de cima libertar meu grito,
descrever a cantar como é bonito
termos nascido neste chão bendito!

Pra olhar lá de cima a face da terra
quem me dera voar pelo infinito!
Ah, se eu pudesse eliminar a guerra,
e a dor findar neste planeta aflito!

Queria ter asas iguais às dos anjos
pra ver meu sonho se concretizar,
e através de mil líricos arranjos,
A paz no mundo voltaria a reinar.

Seria a mais feliz das criaturas
se Deus ouvisse o meu orar contrito
e a terra povoasse de almas puras...
Quem me dera voar pelo infinito!

 

* * *

 

 

-   

Publicado no PORTAL A ERA DO ESPÍRITO com a autorização da autora

-