-   

T

-

 
IRMÃO... ATRÁS DE QUAL MÁSCARA TE ESCONDES??
Suelydam
 
 

 

Irmão... sabia que as duas maiores chagas da humanidade são o orgulho e o egoísmo?

São os grandes obstáculos pelos quais devemos passar e enfrentar, se é que desejamos nos despojar de tanta imperfeição que ainda nos assola. Não estamos neste planetinha por mero acaso... Aqui é uma escola, onde aprendemos a valorizar cada estágio evolutivo.

Nós nos merecemos mutuamente: Terra e nós! Mas... estamos bem? cuidamos dela como ela cuida de nós?

Somos felizes? Nos entristece tudo o que acontece a nossa volta?

Fazemos algo para mudar? Mudamos algo em nós? Será que estamos doentes? Estas terríveis chagas já nos contaminaram?


Fechamos nossos olhos ante a dor alheia, e olhamos extasiados uma mulher, um homem uma difamação, ou a queda de nossos inimigos?

Será que esta é a atitude que Deus espera de nós? Não este não seria Deus! Não o meu Deus!

Mas afinal em que você e diferente de mim? Dinheiro? posição?

É, talvez seja! Hoje!! Mas... e ontem? o que fomos? E amanhã, o que seremos??? Você sabe?

Irmão... se hoje somos ricos de bens materiais, também somos milionários em orgulho e egoísmo, e tremendamente pobres de humildade, amor e caridade! Somos tão pobres que lá se vão dois mil anos e ainda não aprendemos a maior lição do Mestre Jesus, "Amai os vossos inimigos". Graças a Deus eu não tenho nenhum! Porquê?

Ah! porque meu coração é de paz. Agora se você me tem como um, paciência, o problema está em você, não em mim!

Porque será que complicamos tanto nossa evolução?

Somos tão superiores que podemos caluniar em vez de consolar?

Ouvir aplausos que massageiam o ego, em vez de ouvir a voz da consciência?

As armas estão ai, do lado, combatamos o orgulho com humildade e o egoísmo com caridade. De que adianta ler livros espíritas ou de auto-ajuda, seguir pastores, padres, fazer meditação, ter cérebro brilhante, ser médico instruído, cientista, ter voz suave, palavras doces, se temos o coração opaco, fechado, e amargo? Já pensou nisso?

Enfim... chamo a todos a lembrar de que a terra será muito melhor, quando nos conscientizarmos de que uma grande felicidade, nasce das pequenas renúncias de cada um!

 

Com base no livro Lágrimas de um louco de Agnaldo Cardoso.

 

* * *

 

 

 

-   

Publicado no PORTAL A ERA DO ESPÍRITO com a autorização da autora

-