-   

T

-

 

O MUNDO QUE EU VIVO

Elio Mollo

16 jul 2007

 
 

 

O mundo que eu vivo

é feito de sonhos e realizações

e de uma boa dose de esperança

para atingir as suas conclusões.

 

Nesse mundo que eu vivo

nem sempre o externo obedece ao interno

ou mesmo no seu vice-versa,

mas nessa luta de superar as imperfeições

ajuda a si mesmo,

e os que foram legados às suas relações.

 

Entre o interno e o externo

há um bom combate constante

que ganha a alma - ser real

aproveitando o resultado

de se superar a cada instante.

 

Nesse mundo em que eu vivo

posso escolher o revoltamento

ou viver com o contentamento

mas como a consciência

é da Lei de Amor

com certeza, ela me direciona

no sentido de evitar a dor.

 

Bendito mundo que eu vivo

que me mostra através das agruras

ou dos momentos de felicidade

que nada se conquista sem labutas,

concluindo assim,

que em cada dia de vida

posso adquirir uma melhor qualidade.

 

* * *

 

 
-   

T

-