Poemas

 Índice

Autora: Mônica Rosa (Barbet)

 Títulos

 

-

Mônica de Mesquita (Barbet)

 

Mônica Rosa (Barbet), nascida em 1964, advogada, jornalista e construtora, também ousa escrever pequenos poemas como forma de colocar sentimentos de forma peculiar. Nascida no Rio de Janeiro, Tijuca, moradora da Ilha do Governador Jardim Guanabara tem um sonho de ainda ver mais fraternidade e verdade entre as pessoas.

 

Blog: TERRA SEM MALES -Yvy marã ei - Barbet

http://terrasemales.blogspot.com/

 

A BELA LOUCURA HUMANA

A BORRACHA

A FORÇA DA VIDA

A HISTÓRIA DE UMA FLOR "EDELVAIS"

A LOCOMOTIVA

A MENINA

A ORAÇÃO DOS POETAS

A SOLIDÃO

A VESTE DE SEDA PRETA

A VIDA

AJUDA-ME

ALMA DE POETA

AMO O NATAL

AMOR

ARCO-ÍRIS

AS DORES DO MUNDO

BOA VONTADE

CAMINHADA

COLCHA DE RETALHOS

COM DEUS NO MEU CORAÇÃO

COMPARANDO-NOS COM OS OUTROS

CONFIANÇA

CONSTRUINDO O DIA A DIA

CREPÚSCULO

DECISÕES

DESIDERATA

DISPA-ME!

E SE A VIDA FOSSE UMA ESTRADA?

EM ALGUM LUGAR DO PASSADO

ENAMORAR

ESTAMOS NA PRIMAVERA

EU CREIO NUM "AMANHÃ" MELHOR
EU NÃO QUERO

EU TENHO APRENDIDO

FALTA AMOR!

FELICIDADE ETERNA?

FLOR

GRATIDÃO

GUERRA E PAZ

“IL FUT UN TEMPS OÙ” (“Era uma vez”) (Novo)

ILUSÃO

IN DIFERENTE (Novo)

 

POBRE MENINA
Barbet

Um dia quando ainda bem pequenina
pensou que a felicidade era eterna,
...pobre menina...
logo viu que não era bem assim,
ela existe mas é efêmera,
tão sutil que nem a percebemos
e mesmo quando a sentimos
passa tão rápido,
e mesmo que a tentemos segurar,
escorre por entre os dedos.


* * *

 

LIBERDADE

MÃE

MEU AMOR VIRTUAL?

MEU POETA

MINHA DOCE COMPANHEIRINHA DE TODA HORA. (AISHA)

MOMENTOS

NAS MALAS (Novo)

NAS ASAS DO SONHO

O BARQUINHO

O ESPELHO

O MELHOR PRESENTE

O MEU AMOR ABSTRATO

O PENSAMENTO

O PIANO

O QUE É POETAR

O ROMANTISMO NÃO MORREU

O SABOR DA VIDA

O_SOFRIMENTO

ONDE?

ONDE ESTÁ DEUS?

ONDE ESTA O AMOR

PALAVRAS

PALAVRAS AO VENTO

PARA SABER AMAR

PENSANDO EM VOCE

POEMA CONFUSO

POBRE MENINA

POR MEDO

 
VOCÊ MERECE SER FELIZ
Barbet
30 outubro 2011
 
Obrigada,
Te agradeço,
Você também!
Vou te contar,
Meu segredo,
Aprendi a:
Humildade para
Reconhecer falhas.
Sabedoria para
as críticas injustas.
Coragem para ouvir
"não".
Sensibilidade para dizer:
"eu te amo".
Desprendimento para falar:
"Dê-me mais uma chance,
Preciso de você".
Todos precisamos
Ser felizes,
Basta muito,
Trei
Treina
Treinamento...
 
* * *

POR QUE UMA DOR LAMENTAR?

PORQUE AMO VOCÊ?

PRECISO

PRIVILEGIADOS INSTANTES

QUANDO

QUANDO FUI UMA BRUXA

QUANDO PENSARES EM MIM

QUEM AMA

QUEM ES?

QUEM GOSTA

SE...

SE EU PUDESSE...

SE FOR PARA COMPLICAR

SEI QUE É TUDO MUITO LOUCO...

SER COMO SE JÁ NÃO FÔSSEMOS

SERIA LOUCA?

SERIA TÃO BOM...

SINTO SAUDADE DE MIM

SÓ DE PASSAGEM

SOLIDÃO

SONHANDO COM ALÉM DO HORIZONTE

SONHO OU FANTASIA?

SUAVE MELODIA

TER ESPERANÇA

TEU CAMINHO É EVOLUIR

THE END

TU OBSERVAS A FLOR

TODAS AS COISAS PASSAM...

TRISTEZA SEM RAZÃO (?)

UM AMIGO DE VERDADE

UM POUCO DE NÓS

UMA PROPOSTA INDECENTE...

UMA QUESTÃO DE FORÇA DE VONTADE (Novo)

UMA VAGA TRISTEZA
VIVER EM PAZ É UMA ARTE DA GUERRA

VITRINE DO MUNDO

 

 

 

POR QUE UMA DOR LAMENTAR?
Barbet

Porque DÓI...
antes de tudo dói;
porque somos humanos,
frágeis, imperfeitos e falhos;
porque precisamos de ajuda,
porque, por vezes, machuca e muito;
porque não possui analgésico que melhore;
porque o único remédio pode ser você
e você precisa saber;
porque faz o mundo calar,
porque pode fazer o coração parar,
porque precisamos de colo,
porque uma mão amiga pode nos ajudar;
porque podemos perder o rumo,
porque precisamos nos reencontrar,
porque não podemos desistir jamais,
porque temos que ser humildes e chorar,
para só depois
levantar.

* * *

 

VOCÊ É O QUE DESEJA SER
Barbet
05 novembro 2011
 

Eu desejava ser uma pequena flor,
Para ser cuidada com ardor,
Habitar um jarro bem delicado,
Vivendo sempre junto do meu amor.
Gostava de um vestido azul,
Ter longos cabelos escuros e franja,
Usar sempre meus saltinhos,
E deixar o ambiente com "Mom parfum".
Seria bom um pouco de Sol pela manhã,
Beber sempre água fresquinha,
Que me seria ofertada com carinho,
E tuas palavras de amor,
Eu desejava que apenas as tuas mãos,
Somente elas cuidassem de mim.
Quando fosses me podar,
Todo cuidado tomar.
Eu não teria espinhos,
Não precisarias te preocupar,
Mas mesmo que os tivesse,
Nunca iria te magoar.
A Noite quando o Sol se fosse,
TU não te esquecerias de mim,
Para dentro me colocarias,
Bem juntinho de ti.
Uma flor,
Apenas uma flor,
Meu amor.


* * *

Mapa do Site

 

"Há momentos na vida em que devemos permanecer em silêncio e deixar que o silêncio fale do coração Para sentir que a linguagem não expressa é porque há emoções que não sei as palavras para traduzir." - Barbet

<- Voltar

 

Página Inicial